teatro meia volta e depois à esquerda quando eu disser

2013

OZZZZZ propõe um novo olhar sobre a narrativa de “O Feiticeiro de Oz”, abordando a actual mobilidade à escala mundial e o conceito contemporâneo de casa.

Comprados os bilhetes em promoção no site da Ryanair, os nossos cinco performers vestem-se a rigor (o vestido azul e branco e os sapatos de rubi) e apresentam-se para o check in, no aeroporto. Inicia-se, assim, uma viagem que pretende reconstituir a viagem original de Dorothy. Sem data de regresso prevista e apenas com bagagem de mão, deambularão pela cidade desconhecida, pondo à prova o seu conceito de casa e, por fim, encontrando o caminho de regresso. Postais escritos ou conversas via skype, encomendas de chouriços da terra ou interfaces electrónicos vão mediando a comunicação entre Dorothy e o mundo e aferindo a distância entre si e a Casa.

A viagem de cada performer será registada em vídeo e os todos os filmes integrarão uma performance final, que tomará a forma de uma instalação de vídeo com múltiplos ecrãs.

ozzzzz